terça-feira, fevereiro 25, 2020
22.5 C
Rio de Janeiro
Início Economia Caged registra criação de 70,8 mil postos de trabalho em outubro
- Publicidade -

Caged registra criação de 70,8 mil postos de trabalho em outubro

Mais Lidas

Guarda Municipal atua em apoio aos desfiles das escolas de samba

GM também vai atuar em diversos pontos de folia da cidade

Fluminense empata e acaba eliminado da Sul-Americana

Tricolor ficou no 0 a 0 com Unión La Calera

Prefeitura espera receber quase 500 mil pessoas no Sambódromo

As alegorias começam a ser deslocadas na madrugada de sexta-feira
- Advertisement -

Beneficiada pelo comércio e pelos serviços, a criação de empregos com carteira assinada registrou, em outubro, o sétimo mês seguido de desempenho positivo. Segundo dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, 70.852 postos formais de trabalho foram criados no último mês. O indicador mede a diferença entre contratações e demissões.

Esse foi o melhor nível de abertura de postos de trabalho para outubro desde 2016, quando as admissões superaram as dispensas em 76.599. A criação de empregos totaliza 841.589 de janeiro a outubro, 6,45% a mais que no mesmo período do ano passado. A geração de empregos atingiu o maior nível para os dez primeiros meses do ano desde 2014, quando tinham sido abertas 912.287 vagas no acumulado de dez meses.

Setores

- Publicidade -

Na divisão por ramos de atividade, cinco dos oito setores pesquisados criaram empregos formais em outubro. O campeão foi o comércio, com a abertura de 43.972 postos, seguido pelos serviços, 19.123 postos. Em terceiro lugar, vem a indústria de transformação com a criação de 8.946 postos de trabalho.

O nível de emprego aumentou na construção civil com a abertura de 7.294 postos e na indústria extrativa mineral, 483 postos. No entanto, três setores demitiram mais do que contrataram: agropecuária, com o fechamento de 7.819 postos; serviços industriais de utilidade pública, categoria que engloba energia e saneamento, 581 postos, e administração pública, 427 postos.

Tradicionalmente, a geração de emprego é mais baixa em outubro. O mês costuma ser marcado pelo reforço no comércio para as contratações de fim de ano. No entanto, a indústria, que reforçou a produção em agosto e em setembro por causa do Natal, desacelera. A agropecuária também dispensa empregados por causa do fim da safra de diversos produtos, como a cana-de-açúcar e café.

Destaques

No comércio, a criação de empregos foi puxada pelo segmento varejista, com a abertura de 36.732 postos formais. O comércio atacadista gerou a abertura de 7.240 vagas. Nos serviços, os destaques foram venda e administração de imóveis, com 14.040 postos; transportes e comunicações, 4.348 postos, e serviços médicos, odontológicos e veterinários, 3.953 postos.

Na indústria de transformação, a criação de empregos foi impulsionada pela indústria de produtos alimentícios e de bebidas, com 3.344 postos; pela indústria de calçados, 1.890 postos, e pela indústria madeireira e de móveis, com 1.166 postos de trabalho.

Regiões

Todas as regiões brasileiras criaram empregos com carteira assinada em outubro. O Sul liderou a abertura de vagas, com 27.304 postos, seguido pelo Sudeste com 21.776 postos e pelo Sudeste com 15.980 postos. O Norte criou 4.315 postos de trabalho e o Centro-Oeste abriu 1.477 postos formais no mês passado.

Na divisão por unidades da Federação, 23 estados geraram empregos no mês passado. As maiores variações positivas no saldo de emprego ocorreram em Minas Gerais com a abertura de 12.282 postos; São Paulo, 11.727 postos; Santa Catarina, 11.579 postos, e Rio Grande do Sul, 8.319 postos de trabalho. As unidades da Federação que registraram o fechamento de vagas formais foram Rio de Janeiro, 9.942; Distrito Federal, 1.365; Bahia, 589, e Acre, 367

- Publicidade -

Assine nossa Newsletter

Receba as priincipais notícias do Brasil e do Mundo em seu email

Falando Nisso...
Conteúdo Relacionado

- Publicidade -
-- Conteúdo Recomendado -
- Publicidade -

Mais Notícias
Conteúdo Relacionado

Horóscopo de segunda-feira 24 de fevereiro de 2020

Confira a previsão do horóscopo para o dia 24 de fevereiro de 2020 e fique por dentro de tudo o que o seu signo lhe...

Reforços do Vasco da Gama: Clube tenta a contratação de lateral colombiano

Déiver Machado atua no futebol Belga e despertou o interesse do clube carioca

Cordão do Boitatá celebra a ancestralidade, em seu 24º carnaval

Desde 2006, bloco também se apresenta em um palco montado na Praça XV

Sapucaí terá Estácio, Viradouro, Mangueira, Tuiuti, Ilha, Grande Rio e Portela

O público vai poder assistir temas diferentes que apresentam questões atuais e história

Marina Ruy Barbosa, Lívia Cady e Rita Batista relaxam no Camarote da Veveta

Spa e identidade olfativa do local são assinados pela Avatim

Cordão do Boitatá celebra a ancestralidade, em seu 24º carnaval

Desde 2006, bloco também se apresenta em um palco montado na Praça XV

Sapucaí terá Estácio, Viradouro, Mangueira, Tuiuti, Ilha, Grande Rio e Portela

O público vai poder assistir temas diferentes que apresentam questões atuais e história

Marina Ruy Barbosa, Lívia Cady e Rita Batista relaxam no Camarote da Veveta

Spa e identidade olfativa do local são assinados pela Avatim

Vestida de rainha, Ivete Sangalo abre seu Carnaval em Salvador

A cantora recebeu Marina Ruy Barbosa no trio e no Camarote da Veveta

ONG cria canal para apoiar vítimas de transfobia no carnaval do Rio

Vítimas de discriminação poderão pedir apoio jurídico e psicológico

Horóscopo de domingo 23 de fevereiro de 2020

Confira a previsão dos astros para você

Fantasias criativas marcam desfile do Cordão da Bola Preta no Rio

Cortejo teve início com a execução do hino popular Cidade Maravilhosa

Horóscopo de sábado 22 de fevereiro de 2020

Confira a previsão dos astros para você

Escolas de Samba da série A desfilam hoje e amanhã no Sambódromo do Rio

Nesta sexta-feira, sete escolas se apresentam na Marquês de Sapucaí

Lamsa inicia operação especial de carnaval na Linha Amarela

Via expressa deve receber 285 mil veículos ao longo desta sexta-feira
- Publicidade -