- Publicidade -

Agora é lei: Rio terá estatística sobre homicídios e feminicídios de jovens

O texto, de autoria da deputada Zeidan Lula (PT), obriga a tabulação de todos os dados classificados como homicídio e feminicídio contra a vítima jovem

- Publicidade -

O Instituto de Segurança Pública (ISP) passa a ser obrigado a produzir estatísticas específicas sobre a morte de jovens de até 24 anos. É o que determina a lei Nº 8620/19, que foi sancionada pelo governador do Rio, Wilson Witzel, e publicada no Diário Oficial do Executivo, nesta terça-feira (19/11).

O texto, de autoria da deputada Zeidan Lula (PT), obriga a tabulação de todos os dados classificados como homicídio e feminicídio contra a vítima jovem e estabelece que deverá existir codificação própria e padronizada à disposição de todas as secretarias de estado e demais órgãos do governo. Os dados deverão considerar a idade, sexo, etnia das vítimas, além da região onde o crime aconteceu. Os números deverão permanecer para consulta pela internet e integrados ao banco de dados do ISP. Segundo a lei, as estatísticas precisarão ser atualizadas anualmente.

- Publicidade -

Para Zeidan, especificar as estatísticas referentes ao assassinato de jovens vai colaborar para planejar melhor as políticas públicas. A parlamentar esclareceu, também, que foi adotada a definição de “jovem” do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), fixando o limite etário até os 24 anos. “O Governo do Estado tem estatísticas importantes que medem os índices de violência, é preciso que seja identificada de forma clara a proporção de mortes dos jovens para que possamos construir políticas públicas eficazes”, justificou

- Publicidade -

Falando Nisso...
Conteúdo Relacionado

Mais Notícias
Conteúdo recomendado para você

Vasco da Gama tem show da torcida no Maracanã e time melancólico em empate com a Chape

No embalo da torcida, Cruz-Maltino largou na frente, mas viu a Chape chegar ao empate nos minutos finais partida

Rio tem primeira Caminhada pelo Fim da Violência contra as Mulheres

A Caminhada pelo Fim da Violência contra as Mulheres contou também com o apoio de alguns homens

PM acusado de matar menina Ágatha Félix vira réu

Ele também foi afastado do patrulhamento nas ruas

Horóscopo de segunda-feira 09 de dezembro de 2019

Confira as previsões para o amor, dinheiro e saúde.

Ceará arranca empate com o Botafogo e permanece na Série A

No duelo de alvinegros, os cariocas largaram na frente com Marcos Vinícius, mas com Thiago Galhardo o Vozão chegou ao empate e carimbou a permanência

Fluminense vence o Corinthians e garante vaga na Sul-Americana

Com dois gols do jovem Evanílson, o Tricolor venceu por 2 a 1 e se garantiu na próxima edição do torneio continental

Santos massacra o Flamengo e dá carimbaço na faixa do campeão

Peixe não dá chances ao campeão brasileiro na Vila Belmiro, faz 4 a 0 e fica com o vice-campeonato, além de quebrar jejum de 24 partidas sem derrotas do Fla

Cruzeiro perde para o Palmeiras e está na segunda divisão

Clube é rebaixado pela primeira vez na história

Horóscopo de domingo 08 de dezembro de 2019

Confira as previsões para o amor, dinheiro e saúde.

Novo técnico do Fluminense: Eduardo Barroca e Ariel Holan são os mais cotados

Apesar de ter livrado o clube de mais um rebaixamento, Marcão não deve seguir no cargo e a diretoria busca opções no mercado.

Brasil e Paraguai terão livre comércio de automóveis

Os dois países atingirão o livre comércio até 2023

Braziliam Storm surfa pelo quarto título mundial

Medina, Ítalo Ferreira e Filipe Toledo têm chances de levar o caneco

Renata Fan apresenta o “Miss Universo 2019”

A mineira Júlia Horta, Miss Brasil Be Emotion 2019, é a representante brasileira na disputa e conta com uma forte torcida para conquistar o título