- Publicidade -

Presidente do Chile se reúne com lideranças em busca de um acordo

Serão discutidas propostas para tomar medidas contra a crise

- Publicidade -

O presidente do Chile, Sebastián Piñera, afirmou que está aberto ao diálogo e disposto a um acordo social para acalmar a onda de protestos que tomou conta do país desde a última quinta-feira (17). Ele se reunirá hoje (22) com lideranças de governo e de oposição.

“Eu me reunirei com presidentes de partidos, tanto de governo como de oposição, para poder explorar e avançar a um acordo social que nos permita a todos, unidos, aproximarmos com rapidez, eficácia e também com responsabilidade, as melhores soluções para os problemas que afetam os chilenos”, anunciou Piñera.

- Publicidade -

O objetivo da reunião é escutar as propostas e projetos dos partidos para tomar medidas contra a crise que se instalou no país.

Apesar de as manifestações terem iniciado após o anúncio de um aumento no preço das passagens de metrô, os chilenos dizem que essa foi apenas a gota d’água. Eles reclamam da grande desigualdade no país.

- Publicidade -

O descontentamento é com o sistema de saúde e educação, pouco acessível aos mais pobres, além de baixos salários e aposentadorias, somados a um alto custo de vida. As longas filas nos hospitais e o alto preço dos medicamentos também estão entre as reclamações da população.

Apesar de o Chile ter bons indicadores sociais, a desigualdade ainda é um problema a ser enfrentado. De acordo com o Banco Mundial, os valores do coeficiente de Gini, indicador usado para medir a desigualdade, coloca o Chile entre os dez países mais desiguais do mundo, junto com outros seis países da América Latina e do Caribe (Brasil, Colômbia, Costa Rica, Honduras, México e Panamá).

- Publicidade -

De acordo com o relatório Panorama Social de América Latina, da Comissão Econômica da América Latina e Caribe (Cepal), 1% da população chilena concentra mais de 26% da riqueza. O informe diz ainda que 66% dos chilenos têm apenas 2% do capital.

Em Santiago do Chile, capital do país, os preços da moradia subiram 150% nos últimos dez anos, enquanto os salários subiram cerca de 25% apenas.

Apesar de ter bons indicadores, como a redução de 36% para 8,6% do número de pessoas na extrema pobreza e ter o melhor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) da América Latina, o Chile enfrenta os desafios da desigualdade social, somado a uma crescente insatisfação da população com a polícia e o Exército, envolvidos em casos de corrupção.

Mortos

De acordo com o subsecretário do Interior, Rodrigo Ubilla, já são 15 mortos desde o início dos confrontos entre manifestantes e polícia. Segundo informe do Ministério da Saúde, há 239 civis feridos, 52 hospitalizados, estando oito em estado grave. Há ainda cerca de 50 policiais e soldados feridos e mais de 2 mil pessoas foram detidas em todo o país.

As aulas seguem suspensas, tanto na educação infantil, como do ensino fundamental e médio. Mais de 1, 2 milhão de estudantes de nível superior estão sem aulas.

A Central Única de Trabalhadores do Chile, junto com outras organizações sociais, convocou uma greve geral para amanhã (23)

- Publicidade -

Falando Nisso...
Conteúdo Relacionado

Mais Notícias
Conteúdo recomendado para você

Globoplay anuncia minissérie exclusiva ‘Hebe’

Produção em dez episódios que conta a história da apresentadora chega à plataforma de streaming no dia 13/12

Programão Carioca terá edição especial no domingo, dia 24, em Duque de Caxias

Projeto da Globo promoverá oficinas culturais, apresentações e feira cultural pelo Dia da Consciência Negra. Sessão do musical ‘Elza’ encerrará a programação gratuita

MRV inaugura espaço tecnológico para inovar os tradicionais plantões de venda

Após lançar nova marca e posicionamento ao completar 40 anos, MRV apresenta Centros de Experiência para oferecer uma nova experiência aos clientes

Maia anuncia agenda legislativa para o desenvolvimento social

A Agenda de Desenvolvimento Social é dividida em cinco pilares e foi elaborada por um grupo de cinco deputados e um senador.

Melim e Diogo Nogueira são as atrações do Estação Rio em Nova Iguaçu

O projeto musical da Globo, que tem patrocínio da Coca-Cola e apoio da Rede Multi Market, leva shows gratuitos e de grandes artistas a diferentes bairros e municípios do Rio.

PL prevê pausa para ginástica laboral em jornadas de trabalho acima de 6 horas

Projeto de lei acrescenta parágrafo na CLT, fixando 30 minutos para desempenho de exercício funcional em locais de trabalho com jornadas mais longas

Governo federal vai conectar 100% das escolas públicas aptas a receber internet

Acesso à web alcançará cerca de 70 mil instituições de ensino, em 5.296 municípios

Projeto cria programa de mediação escolar no Rio

De acordo com o projeto, o programa tem o objetivo de promover o respeito às diferenças sociais, econômicas, políticas, religiosas e de gênero

Líder diz que não há prazo para apresentar reforma administrativa

Fernando Bezerra justifica agenda cheia no Congresso para tramitação

Confira os projetos de lei aprovados pelos vereadores do Rio na Sessão Legislativa de 19/11/2019

Foi aprovado o Dia dos Clóvis (bate-bola) e Originalidades do Carnaval no calendário oficial da cidade;

Universal TV exibe crossover especial da franquia Chicago

O especial da franquia “Uma Chicago”, intitulado como “Infecção”, conta com duas horas e meia de pura ação

Zeca Pagodinho, Demônios da Garoa e Ana Clara estão no Boteco do Ratinho

O Programa do Ratinho vai ao ar de segunda a sexta-feira, a partir das 22h15.

Programa Família Segura pode ser instituído no estado do Rio

Segundo o texto, a PMERJ deverá comunicar às autoridades judiciárias da região de atuação a intenção de criar o programa.

Profissionais de saúde de Manguinhos tem futuro incerto

A Prefeitura do Rio garantiu que o contrato com a OS será estendido por 12 meses, mas o compromisso ainda não foi assinado

Vasco da Gama folga na rodada e só volta a jogar dia 28 contra o São Paulo

Após empate em São Januário, Cruz-Maltino segue em 10º no Brasileirão