- Publicidade -

Trump anuncia tarifas contra México por imigração ilegal

A declaração da Casa Branca afirma que os Estados Unidos são "invadidos" por milhares de pessoas procedentes do México, que nada faz para impedir a situação.

- Publicidade -

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta quinta-feira a adoção de tarifas progressivas contra o México, a partir de 10 de junho, até que o país vizinho detenha o fluxo de imigrantes ilegais que entram nos Estados Unidos pela fronteira sul.

Após o anúncio, o presidente mexicano, Andrés Manuel López Obrador, pediu em uma carta “aprofundar o diálogo” migratório para evitar qualquer confronto, pouco depois que um alto funcionário do governo mexicano classificou de “desastrosa” a decisão americana.

- Publicidade -

“Em 10 de junho, os Estados Unidos aplicarão uma tarifa de 5% a todos os bens procedentes do México, até o momento em que os imigrantes ilegais parem de atravessar para nosso país”, tuitou Trump.

“As tarifas aumentarão gradualmente até que se resolva o problema da imigração ilegal, quando serão eliminadas”.

A Casa Branca explicou que as tarifas subirão para 10% em 1º de julho, com altas mensais de 5% até atingir 25% no dia 1º de outubro.

“As tarifas se manterão de maneira permanente em 25% até que o México detenha substancialmente o trânsito ilegal de estrangeiros que entram (nos EUA) através de seu território”, destaca o comunicado.

“Se a crise da imigração ilegal for aliviada através de ações efetivas adotadas pelo México, que serão determinadas por nossa exclusiva avaliação e critério, haverá a eliminação das tarifas”.

A declaração da Casa Branca afirma que os Estados Unidos são “invadidos” por milhares de pessoas procedentes do México, que nada faz para impedir a situação.

“A cooperação passiva do México para permitir esta incursão em massa constitui uma emergência e uma ameaça extraordinária à segurança nacional e à economia dos Estados Unidos”.

Trump fez o anúncio sobre as tarifas no mesmo dia em que iniciou o processo de ratificação do T-MEC, o novo tratado de livre comércio da América do Norte, anunciado em novembro entre Estados Unidos, México e Canadá, agora provavelmente sob forte pressão.

– Resposta mexicana –

O presidente mexicano López Obrador enviou uma carta a Trump garantindo que não quer “confronto” e que enviará uma delegação aos EUA.

“Lhe digo que não quero confronto (…) e lhe proponho aprofundar o diálogo, buscar alternativas de fundo para o problema migratório”, escreve Obrador, anunciando que nesta sexta-feira enviará uma delegação a Washington, liderada pelo chanceler Marcelo Ebrard.

“Proponho que instrua seus funcionários, se não houver inconveniente, para que atendam os representantes do nosso governo”, diz Obrador a seu “amigo” Trump.

“Não acredito na Lei de Talião, no olho por olho, dente por dente (…). Acredito nos homens de Estado e ainda mais nos de Nação. Estamos obrigados a procurar soluções pacíficas para as controvérsias”, declara López Obrador.

O presidente mexicano diz a Trump que “os problemas sociais não se resolvem com impostos ou medidas coercitivas”, e recorda que “a Estátua da Liberdade não é apenas um símbolo”.

Sobre a imigração, López Obrador recorda que desde o início de seu governo propôs uma “cooperação para o desenvolvimento e a ajuda aos países centro-americanos com investimentos produtivos para se criar empregos e resolver este penoso assunto na base”.

López Obrador promete ainda que a prosperidade no México acabará detendo a emigração: “Em pouco tempo, os mexicanos não terão a necessidade de recorrer aos Estados Unidos” e a “migração será opcional”.

Pouco antes das palavras conciliadoras de López Obrador, o vice-chanceler para América do Norte e negociador comercial mexicano, Jesús Seade, havia criticado o anúncio de anúncio de Trump.

“É algo desastroso, esta ameaça levada à ação seria gravíssima”, declarou Seade.

O México tem os Estados Unidos como seu principal parceiro comercial, ao qual destina mais de 80% de suas exportações.

Os dois países compartilham 3.200 km de uma fronteira pela qual passam numerosos imigrantes ilegais, armas e drogas.

Desde outubro passado, o México foi tomado por ondas de emigrantes, a maioria centro-americanos, que tentam chegar aos Estados Unidos fugindo da violência em seus países.

Trump já havia ameaçado o México com o fechamento da fronteira caso o vizinho não detivesse o fluxo de emigrantes ilegais.

Após chegar à presidência do México, em dezembro, o esquerdista Obrador flexibilizou os controles migratórios, o que multiplicou o fluxo de emigrantes.

Segundo Trump, na véspera foram detidos 1.036 imigrantes ilegais que cruzaram a fronteira no trecho entre Ciudad Juárez e El Paso (Texas), um número recorde.

O chefe de gabinete da Casa Branca, Mick Mulvaney, não explicou que tipo de redução na entrada de migrantes poderia levar a uma suspensão das tarifas.

“Vamos considerar o êxito pelo número de pessoas que atravessam a fronteira e este número deve começar a cair imediatamente, de maneira significativa”, disse

- Publicidade -

Falando Nisso...
Conteúdo Relacionado

Mais Notícias
Conteúdo recomendado para você

Kobe Bryant, astro da NBA, morre em acidente de helicóptero nos EUA

Queda de aeronave vitimou outras quatro pessoas à bordo da aeronave

Horóscopo de segunda-feira 27 de janeiro de 2020

Confira as previsões para o amor, dinheiro e saúde.

Vasco da Gama vence a primeira no Carioca com gol de Cano, veja o Gol

Argentino marcou seu primeiro gol pelo Gigante da Colina

Expectativa de reabertura do Museu Nacional emociona pesquisadores

Equipes trabalham intensamente na busca e restauro de peças do acervo

America goleia o Americano

Christianno, Flamel, Anderson Künzel e Wallinson marcaram os gols do Rubro.

Friburguense vence o Nova Iguaçu

Com o triunfo, o Tricolor Serrano chegou aos 4 pontos, junto do America

Madureira vence a terceira e segue 100%

Na próxima rodada, o Madura volta a jogar na terça-feira (28), às 19h15, contra o Boavista

“Sinal Vital” é o primeiro single do novo trabalho do Sorriso Maroto

As cenas mostram a banda interagindo com vários personagens

Céu lança clipe de “Corpocontinente”

A obra de Céu é marcada pelo posicionamento político sem panfletagem

Horóscopo de domingo 26 de janeiro de 2020

Confira as previsões para o amor, dinheiro e saúde.

Salve-se Quem Puder: O encontro de Alexia e Renzo em Cancún

Salve-se Quem Puder’ é a próxima novela das sete, criada e escrita por Daniel Ortiz

Ivete Sangalo lança novo EP e videoclipe

Anunciando o que está por vir, o EP abre com a faixa-título, “O Mundo Vai”

Wesley Safadão muda o visual para nova show

Cantor aposta no "Buzz Cut", estilo de cabelo totalmente diferente do início da carreira

Aline Riscado estrela novo clipe de dupla sertaneja

Os donos do sucesso “Golzinho Quadrado”, Júnior e Cézar gravaram em Maringá com a musa do verão