21.5 C
Rio de Janeiro
terça-feira, 25 de junho de 2019 1:1711
- Publicidade -

Rescisão de Maxi López do Vasco da Gama aborrece Leandro Castan e outros nomes podem sair

Fernando Miguel, Yago Pikachu, Leandro Castán e Bruno César estão descontentes e com o pé atrás.

- Publicidade -

O Vasco da Gama pode perder alguns de seus principais jogadores após a saída de Maxi López de São Januário. O atacante argentino pediu rescisão amigável de seu contrato e Alexandre Campello aceitou.

Com a saída de seu camisa 11, o Vasco viu alguns jogadores, que são considerados líderes dentro do elenco, ficarem bem insatisfeitos. Não bastasse os problemas de salários atrasados, os jogadores não estão gostando do modo como a diretoria tem tratado algumas situações.

- Advertisement -

Além disso, a “limpa” que Vanderlei Luxemburgo está fazendo no elenco e as cobranças por melhor rendimento vem deixando nomes como Fernando Miguel, Yago Pikachu, Leandro Castán e Bruno César descontentes e com o pé atrás.

Luxemburgo por sua vez, vem conseguindo realizar seu sonho antigo de ser um “manager” do futebol, já que vem comandando as mudanças no departamento de futebol do Vasco, que não possui um diretor, e conta com o aval da diretoria. O fato não agrada conselheiros e jogadores que era considerados intocáveis.

Depois do empate em 1 x 1 com o Avaí, as coisas mudaram na Colina, Luxemburgo não considera nínguem intocável, já preparou sua “barca” e já definiu as posições que precisa reforçar.

Não se espantem se outros nomes importantes do Vasco da Gama também pedirem rescisão e se espantem menos ainda, se a diretoria aceitar.

Assine nossa Newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

Últimas Notícias

Marvel relançará Vingadores: Ultimato para bater recorde de bilheteria

Haverão novas sessões nos EUA e o motivo dessa novidade são os US$ 43,5 milhões para alcançar a bilheteria de Avatar, até então o filme de maior bilheteria de todos os tempos.

Educação profissional pode ser uma saída para geração “nem-nem”

Quase um quarto dos jovens brasileiros (23%) nem estuda nem trabalha, segundo os novos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad contínua) sobre educação

Saiba tudo sobre o novo modelo de internação involuntária para dependentes químicos

Na semana em que se comemora o Dia Internacional de Combate às Drogas, assunto foi debatido pelo podcast Ilha de Vera Cruz

Como Inteligência Artificial pode ajudar os seres humanos?

Conheça exemplos onde a I.A. é utilizada, trazendo vantagens para a vida das pessoas

R$ 6 bi em impostos, empregos formais e vício: Conheça os desafios da legalização dos jogos de azar no Brasil

Apesar de ser proibido no Brasil há 77 anos, 20 milhões de brasileiros apostam diariamente no jogo do bicho

Arrecadação federal de maio chega a R$ 113,2 bilhões

Trata-se do melhor desempenho para o mês desde 2014

Sérgio Cabral vai ficar isolado em cela por 30 dias

Punição ocorre após processo disciplinar instaurado em 2017

Caso Providência: MPF pede que tenente volte a ser julgado na Justiça Federal

TFR2 julga nesta terça-feira (25) se revê envio de processo para Justiça Militar