17.3 C
Rio de Janeiro
quarta-feira, 17 de julho de 2019 5:4114
- Publicidade -

G7 do Meio Ambiente adota carta para a biodiversidade

A carta adotada pelos países do G7 e uma parte dos países convidados servirá de base às políticas públicas

Publicidade

Ministros do Meio Ambiente do G7 adotaram uma carta para a biodiversidade não vinculante, enquanto um grupo de especialistas da ONU lançou um grito de alerta sobre o estado catastrófico da natureza.

Os sete países ocidentais mais industrializados (França, Canadá, Alemanha, Estados Unidos, Itália, Japão e Reino Unido) também conseguiram redigir um comunicado final conjunto depois de dois dias de discussões, mas com um parágrafo diferente para marcar as diferenças com os Estados Unidos sobre o clima.

Publicidade

Este comunicado “é realmente compartilhado em todos os aspectos”, assegurou o ministro francês da Transição Ecológica, François de Rugy, em coletiva de imprensa.

“Agradeço nosso amigo americano por ter aceito trabalhar, inclusive sobre este tema do clima, para compartilhar o texto simplesmente com um pequeno parágrafo diferente que apresenta a posição dos Estados Unidos, mas não é uma ruptura global”, disse, enquanto se dirigia a Andrew Wheeler, encarregado da Agência de Proteção Ambiental americana (EPA).

Donald Trump expressou em meados de 2017 a intenção de tirar seu país do Acordo de Paris sobre o clima.

O comissário europeu de Meio Ambiente e nove países convidados, entre eles México, Chile, Níger, Gabão, Egito, Índia, Indonésia, Ilhas Fiji e Noruega também participaram desta reunião em Metz.

A carta adotada pelos países do G7 e uma parte dos países convidados servirá de base às políticas públicas, explicou a secretária de Estado para a Transição Ecológica francesa Brune Poirson.

“Nosso objetivo é aterrissar em Biarritz”, disse. Nesta cidade francesa se reunirão no fim de agosto os países mais industrializados e será o punto culminante da atual presidência rotativa francesa do G7.

Entre as outras reuniões internacionais que serão realizadas no ano que vem sobre a biodiversidade, a mais importante será uma dos estados-membros do Convênio das Nações Unidas sobre a Diversidade Biológica (COP15) em Kunming, China, no outono de 2020

  • Mais Notícias Sobre:
  • G7
  • ONU

Assine nossa Newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

Últimas Notícias

Dias Toffoli suspende processos que tenham dados sem autorização judicial prévia

Decisão afeta o caso do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), que teria feito uma movimentação atípica nas contas de Fabrício Queiroz, seu ex-assessor

Horóscopo de quarta-feira 17 de julho de 2019

Confira a previsão do horóscopo para o dia 17 de julho de 2019 e fique por dentro de tudo...

MetrôRio anuncia operação especial para partida do Flamengo na Copa do Brasil

Haverá trens extras e extensão de horário do embarque após o fim do jogo

Concursos e depressão: como lidar?

Por *Leonardo Chucrute - A depressão vem atingindo grande parte da população, principalmente naquelas pessoas que estão...

Passagens aéreas ficarão mais baratas a partir de setembro, anuncia ministro da Infraestrutura

Segundo Tarcísio Gomes de Freitas, empresas estrangeiras de baixo custo estão em conversas com o governo e têm interesse em atuar no Brasil

Simone Tebet diz que CCJ pode votar reforma da Previdência em três semanas

Três semanas é o prazo estimado pela presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), senadora...

Vasco da Gama pede impugnação de jogo contra o Grêmio

O Vasco da Gama, como o Diário Carioca afirmou que faria, entrou, nesta segunda-feira (15/07), com um...

Paolla Oliveira registra ocorrência após polêmica com vídeo intimo de Verônica Radke

Paolla Oliveira compareceu no final da tarde desta segunda-feira, 15 a Delegacia de Repressão aos Crimes de...

Fluminense anuncia a contratação de Nenê, ex-Vasco da Gama

De olho em fortalecer ainda mais o plantel para o resto da temporada, o Fluminense acertou a...