26.8 C
Rio de Janeiro
sábado, 20 de julho de 2019 7:0824
- Publicidade -

Enredo do Salgueiro homenageia orixá padroeiro e pede justiça

Orixá do fogo e da justiça, Xangô será o homenageado pelo desfile do Salgueiro, que vai pedir ao seu padroeiro que seja implacável com os mentirosos, os ladrões e os malfeitores. O enredo começa na criação do mundo por Oduduwa, avô de Xangô, e termina clamando ao juiz das religiões de matriz africana para que a justiça prevaleça no Brasil e no mundo.

O diretor cultural do Salgueiro, Eduardo Pinto, disse que são muitos os motivos para que Xangô seja o padroeiro da escola. No Morro do Salgueiro, a comunidade nasceu sobre uma pedreira, e sua bateria, apelidada de Furiosa, cresceu com o toque do Alujá (ritmo do candomblé), que agrada a Xangô.

- Advertisement -

As referências a Xangô nos desfiles do Salgueiro também passam por um personagem que faz parte da história da escola, o professor Julio Machado, que representou a entidade de matriz africana durante 39 anos nos desfiles como destaque da escola tijucana. “Independentemente do enredo, ele vinha de Xangô. A gente já falou de álcool combustível, já falou de Pantanal, e ele estava lá incluído como Xangô, sempre representando o padroeiro da escola”, afirmou

Sincretismo

O desfile será aberto com a criação do mundo na tradição iorubá. Depois conta a história do reinado de Xangô como rei de Oyó, império que ficava onde hoje está a Nigéria.

A crença em Xangô chega ao Brasil com os africanos escravizados, e o orixá ganha destaque no panteão das religiões de matriz africana. Ao ser perseguida, essa fé sobrevive por meio do sincretismo com imagens católicas. Nessa mistura, Xangô é um dos orixás que têm mais correspondências com santos, sendo relacionado a São Jerônimo, São Miguel Arcanjo, São João Batista e São Pedro.

Segundo Eduardo Pinto, as religiões de matriz africana ainda requerem espaços em que sejam quebrados os preconceitos. “Vivemos um momento muito complicado de não aceitação do que é nosso e de uma falta de respeito em relação às escolhas de cada um. Vir com um enredo afro e falando de um deus africano, você possibilita que algumas pessoas consigam entender que isso nada mais é do que cultura”, disse. Para ele, “o carnaval não é só brincadeira, é um movimento cultural”.

O Salgueiro vai desfilar com cinco carros, um tripé e 3,5 mil pessoas. A escola terá 30 alas, e, ao fim do desfile, uma delas promete mexer com o público na Avenida. “Não posso contar detalhes, mas vamos falar desses problemas que a gente está passando e pedindo justiça. Será uma identificação imediata”. A escola se apresenta no primeiro dia de desfile do Grupo Especial.

Luxo

Uma visita ao barracão da escola revela que o Salgueiro mais uma vez investiu em carros alegóricos de grandes proporções para o desfile deste ano. Mais discreta no uso de coreografias em alas e alegorias, a escola é reconhecida pelo acabamento luxuoso de seus carros.

“Não existe mais condições de fazer um carnaval com alegorias pequenas, porque a própria Avenida engole tudo isso. Para disputar o carnaval, tem que se fazer um carnaval grandioso também em tamanho”, disse o diretor cultural do Salgueiro.

Com um ensaio técnico caloroso, o Salgueiro comemora que o samba foi bem recebido pela comunidade, que é tradicionalmente uma das mais orgulhosas do carnaval carioca. Para Eduardo Pinto, esse é um dos trunfos da escola tijucana: “Acho que [o ponto forte do Salgueiro] é o componente. O salgueirense é muito orgulhoso da sua escola, se orgulha de estar vestido, de colocar uma camisa. A gente é assim, e isso se reflete no desfile”.

Assine nossa Newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

Últimas Notícias

Vasco da Gama vence o Fluminense de virada em São Januário lotado, veja os gols

Na abertura da 11ª rodada, Cruzmaltino leva a melhor no clássico carioca, vence por 2 a 1 e se afasta da zona de rebaixamento

Polícia localiza cemitério clandestino usado por milícia em Queimados

Eles teriam sido assassinados pelo grupo criminoso Caçadores de Ganso

Liesa define ordem do desfile de escolas de samba no carnaval do Rio

Ao todo, 13 escolas vão desfilam no Grupo Especial em 2020

Ex-goleiro Bruno sai da prisão e vai para regime semiaberto

Ele foi condenado a 20 anos pelo homicídio de Elisa Samudio

Silvio Santos recebe o craque Neymar

O “Programa Silvio Santos” deste domingo, 21 de julho, recebe a visita especial do jogador Neymar.

Etiene Medeiros foca nos 50 metros costas e livre no Mundial de Natação

Tricampeã do mundo nos 50 metros costas, nadadora brasileira concentra seus esforços nas provas mais velozes em função da disputa dos Jogos Pan-Americanos do Peru