25.4 C
Rio de Janeiro
quarta-feira, 22 de maio de 2019 8:1903
- Publicidade -

Reforma da Previdência: Como fica a aposentadoria dos policiais civis, federais e agentes penitenciários?

Ao contrário dos militares, categorias serão atingidas por PEC da Previdência

- Publicidade -

Os militares ficaram de fora da proposta da reforma da Previdência apresentada pelo governo Jair Bolsonaro, nesta quarta-feira (20). A medida, no entanto, afeta as carreiras de policial civil, policial federal e agentes penitenciários. As categorias, porém, não vão seguir as mesmas regras do regime geral proposto pela reforma.

A atual legislação não estabelece idade mínima para que os policiais civis e federais possam se aposentar. Eles, assim como os agentes penitenciários, não possuem nenhuma regra especial.

- Advertisement -

Agora, o texto da reforma da Previdência estabelece que as três categorias precisarão ter, no mínimo, 55 anos, tanto homens quanto mulheres, para ter direito a aposentadoria. O tempo é menor do que o estabelecido na reforma para o regime geral, de 62 anos para mulheres e 65 para homens.

O tempo de contribuição também sofrerá alterações, segundo o texto da reforma. Hoje, para se aposentarem, as três categorias precisam contribuir durante 30 anos para homens, com 20 de exercício, e 25 para mulheres, com 15 de exercício.

A proposta de Paulo Guedes altera o tempo de contribuição de policiais civis e federais para 25 anos, desde que sejam cumpridos 15 anos de serviço. A regra, se aprovada, vale para homens e mulheres. Já para agentes penitenciários, o tempo mínimo é de 20 anos, tanto homens quanto mulheres. No entanto, neste caso, o tempo de exercício será progressivo até chegar a 20 anos para mulheres e 25 anos para homens.

Últimas Notícias

Vasco da Gama terá de pagar R$ 400 mil ao Santos pelo empréstimo do atacante André

A determinação judicial é de que o clube de São Januário pague R$ 400.038,39, acrescida de correção monetária e juros de 1% ao mês.

Só clubes de primeira divisão poderão jogar torneios da Conmebol em 2020

A Confederação Sul-Americana divulgou os novos requisitos que os clubes admitidos na Copa Libertadores e na Sul-Americana

Diretor do Flamengo polemiza: “Mickey todo certinho, não foi a torcida”

Dirigente pois em xeque a capacidade intelectual da torcida rubro-negra

Marcos Paulo comemora boa sequência no Fluminense

Jovem atacante tem sido uma das opções do técnico Fernando Diniz

Governo publica decreto sobre armas; civis não podem adquirir fuzis

O novo decreto (nº 9.797, de 21 de maio 2019) está publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira (22).

Vasco da Gama segue analisando contratação de Giovani dos Santos

Luxemburgo e Campello analisam a contratação que além de cara é considerada de risco