sábado, fevereiro 22, 2020
24.4 C
Rio de Janeiro
Início Futebol Vasco da Gama Vasco da Gama é campeão da Taça Guanabara e torcedores deixam Maracanã com tranquilidade
- Publicidade -

Vasco da Gama é campeão da Taça Guanabara e torcedores deixam Maracanã com tranquilidade

Mais Lidas

“Uma Noite Não é Nada”, com Paulo Betti e Luiza Braga, estreia no Canal Brasil

O drama do cineasta francês Alain Fresnot é ambientado na São Paulo de meados da década de 1980

Mulheres garis montam pela primeira vez bloco de Carnaval

A agremiação sairá hoje, quinta-feira, às 16h, no Parque Madureira, Zona Norte do Rio.

‘A Roda’ mostra como o Carnaval carioca inspira e transforma

O apresentador Chico Regueira terá a companhia de Milton Cunha e dos cantores Leci Brandão e Moacyr Luz
- Advertisement -

Após o tumulto da tarde de hoje (17), torcedores deixaram o Estádio do Maracanã com tranquilidade na noite de hoje (17), após vitória do Vasco na final da Taça Guanabara. O placar foi de 1 a 0 sobre o Fluminense.

Marcado por liminares de lado a lado, e que acabou levando a Justiça a determinar que a partida fosse realizada com os portões fechados, a final foi marcada pelo confronto entre torcedores vascaínos e a Polícia Militar.

- Publicidade -

Houve corre-corre, muita confusão, bombas de gás lacrimogênio e tiros de borracha, que acabaram por levar o Juizado Especial do Torcedor a determinar que os portões fossem abertos, o que ocorreu por volta dos 30 minutos do primeiro tempo.

Na confusão, pelo menos duas pessoas 29 pessoas tiveram atendimento médico, duas das quais foram transferidas para o Hospital Souza Aguiar – uma com o ombro deslocado e outro com um tiro de borracha na perna.

Cerca de 400 homens da Polícia Militar estiveram envolvidos no policiamento do estádio, que contou com policiais do Batalhão de Policiamento Especializado em Estádios, do Batalhão de Cães, de Choque e de batalhões das imediações do estádio, localizado na zona norte da cidade.

Confira o gol da vitória do Vasco da Gama sobre o Fluminense na final da Taça Guanabara

O Jogo

PRIMEIRO TEMPO


Logo aos 2 minutos, Daniel cobrou a falta na área e a zaga adversária afastou. Yony González recebeu de frente para o gol e arriscou o chute aos 6 minutos, mas a bola passou raspando a trave. Marlon levantou a bola na área aos 17, a defesa tirou e Everaldo arriscou o chute no rebote, mas o goleiro ficou com ela. Marlon cruzou aos 27 minutos e a zaga tirou para escanteio. Na cobrança de Ezequiel, a defesa fez o corte. Aos 39, o Flu quase abriu o placar com Yony González. Luciano deu o passe e o colombiano chutou forte, mas a bola pegou no rosto do goleiro.

SEGUNDO TEMPO


Grande chance do Flu logo aos 3 minutos. Luciano tocou para Yony González, que deixou para Everaldo chutar, mas a bola subiu muito. Luciano tentou de fora da área aos 7, mas o chute foi muito forte. Everaldo cruzou certeiro para Luciano mandar de cabeça aos 17 minutos, mas a bola tocou a rede pelo lado de fora. Bom cruzamento de Marlon aos 27, Yony González subiu de cabeça, mas o goleiro afastou. O Vasco abriu o placar aos 35 minutos com Danilo Barcelos. Na sequência, Ezequiel cobrou falta na área buscando os atacantes, mas a defesa adversária tirou. Caio Henrique fez o levantamento direto para o gol e o goleiro ficou com a bola.

FICHA TÉCNICA

CAMPEONATO CARIOCA2019 – Taça Guanabara – FINAL
Maracanã – Rio de Janeiro/RJ

Vasco (1)
Fernando Miguel; Raúl Cáceres, Werley, Leandro Castan e Danilo Barcelos; Raul (Ribamar), Lucas Mineiro e Bruno César (Rossi); Yago Pikachu, Maxi López e Marrony (Andrey).

Técnico: Alberto Valentim

Fluminense (0)
Rodolfo; Ezequiel, Digão, Matheus Ferraz e Marlon (Calazans); Airton, Bruno Silva (Caio Henrique) e Daniel (Dodi); Luciano, Everaldo e Yony González.

Técnico: Fernando Diniz

Gol: Danilo Barcelos (35’/2T) – VAS

Cartões amarelos: Digão, Ezequiel e Bruno Silva (FLU); Leandro Castan, Danilo Barcelos, Maxi López, Yago Pikachu, Ribamar e Andrey (VAS).

Cartões vermelhos: Luciano e Airton (FLU)

Arbitragem: Bruno Arleu de Araújo, auxiliado por Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa e Luiz Claudio Regazone.

- Publicidade -

Assine nossa Newsletter

Receba as priincipais notícias do Brasil e do Mundo em seu email

Falando Nisso...
Conteúdo Relacionado

- Publicidade -
-- Conteúdo Recomendado -
- Publicidade -

Mais Notícias
Conteúdo Relacionado

Corpo de Bombeiros libera Sambódromo para desfiles no Rio de Janeiro

Neste ano, a Passarela do Samba recebe desfiles de 43 agremiações

Wellington Muniz, o Ceará, assina contrato com a Record TV

Humorista vai atuar no Domingo Show, que estreia sob o comando de Sabrina Sato

“Uma Noite Não é Nada”, com Paulo Betti e Luiza Braga, estreia no Canal Brasil

O drama do cineasta francês Alain Fresnot é ambientado na São Paulo de meados da década de 1980

Wellington Muniz, o Ceará, assina contrato com a Record TV

Humorista vai atuar no Domingo Show, que estreia sob o comando de Sabrina Sato

“Uma Noite Não é Nada”, com Paulo Betti e Luiza Braga, estreia no Canal Brasil

O drama do cineasta francês Alain Fresnot é ambientado na São Paulo de meados da década de 1980

Projeto prorroga cessão do Teatro Casa Grande por mais 20 anos

O espaço fica na Avenida Afrânio de Melo Franco, 290

Horóscopo de sexta-feira 21 de fevereiro de 2020

Confira a previsão dos astros para você

Guarda Municipal atua em apoio aos desfiles das escolas de samba

GM também vai atuar em diversos pontos de folia da cidade

Lauana Prado será a madrinha do “Bloco Villa Country Pinga Ni Mim”

Bloco desfila no Ibirapuera, dia 24 de fevereiro, a partir das 13h

Capes adota modelo inédito de concessão de bolsas

Intuito é corrigir distorções na distribuição do benefício; implementação será feita de forma gradativa
- Publicidade -