Thiago Galhardo marcou o gol vascaíno em Conselheiro Galvão (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br)
Thiago Galhardo marcou o gol vascaíno em Conselheiro Galvão (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br)

O Vasco da Gama suou, literalmente, na tarde deste sábado, 19, para vencer o Madureira sob o forte calor de Conselheiro Galvão em Madureira, no Rio de Janeiro, mas conquistou sua primeira vitória na temporada.

O primeiro gol do cruzmaltino foi marcado por Thiago Galhardo, que saiu do banco de reservas para fazer 1×0 Vasco aos 22 minutos do segundo tempo.

Sem contar com suas principais estrelas, Maxi López e Bruno César, que tiveram suas pré temporadas estendidas pela comissão técnica, o Gigante da Colina impôs seu ritmo na casa do adversário, mas sentiu a falta de ritmo de jogo e o calor absurdo que fazia no estádio do Tricolor Suburbano.

Entre os destaques ficaram a luta de Ribamar e os bons passes de Lucas Mineiro, que se juntaram ao elenco vascaíno este ano.

Claudio Winck, Raúl Cáceres, Yan Sasse e Danilo Barcelos, outros reforços que estrearam com a camisa do time de São Januário, não comprometeram, mas passaram em branco.

O JOGO


Diante de um sol escaldante no subúrio do Rio, Vasco e Madureira começaram a partida de forma intensa. Logo aos 3 minutos, Yan Sasse teve boa chance após sobra de bola na área, mas pegou muito embaixo da bola e isolou. Aos 17, Marrony recebeu em profundidade, invadiu a área e rolou para Raul, que chegou batendo, mas pegou mal na bola. Dois minutos depois, Ribamar lançou Marrony, que chegou batendo de primeira, em cima do goleiro Jonathan.


O Vasco levava perigo nas bolas paradas com o lateral-esquerdo Danilo Barcelos, mas o goleiro do Madureira se saía bem. Aos 41, Ribamar roubou bola na área chutou forte, parando novamente em Jonathan.

O Gigante da Colina voltou para o segundo tempo com postura ofensiva. Logo no primeiro minuto Yan Sasse fez boa jogada individual, mas bateu sem perigo para o gol. Aos 9, Danilo Barcelos cobrou falta com categoria, Ribamar subiu mais que todo mundo, mas mandou por cima. Aos 11, Ribamar ajeitou para Dudu, que mandou um balaço para o gol, tirando tinta do gol de Jonathan. Um minuto depois, Marcelo Alves fez falta em Marrony e foi expulso. 


O Vasco seguia na pressão e quase abriu o placar com Leandro Castán aos 16, mas o zagueiro cabeceou fraco. O gol madurava e três minutos depois, Ribamar recebeu livre na pequena área, mas acabou atrapalhado pelo zagueiro. Aos 22, Raul avançou pela direita e tocou para Marrony, o atacante rolou para Thiago Galhardo, que acertou um belo chute para marcar: VASCO 1 a 0.

Aos 26, Ribamar teve nova chance e bateu bonito, tirando tinta da trave. Um minuto depois, Marrony cabeceou no ângulo, para nova defesa de Jonathan, que ainda fez mais duas ou três intervenções seguras. 

O próximo compromisso do Vasco na competição será diante do Volta Redonda, nesta quarta-feira (23/1), às 21h30, em São Januário.

Deixe seu Comentário