Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação
Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

O Palmeiras está em contagem regressiva para o fim do Campeonato Brasileiro. Com apenas seis rodadas a serem disputadas, o zagueiro Victor Luiz assume que a possibilidade da conquista do título já tira o seu sono.

“Eu sonho literalmente [com o título]. Às vezes minha mulher fala comigo e eu fico sentado na cama, pensando na maneira que o ano pode terminar, se Deus quiser com um grande título”, afirmou em entrevista coletiva.
Líder da competição com cinco pontos de vantagem para o Internacional (segundo colocado), o Palmeiras enfrenta neste domingo (11), às 17h, o Atlético-MG, no Independência, em Belo Horizonte. Um dos confrontos mais duros que a equipe deve ter nesta reta final de competição -o Atlético-MG é o único adversário que figura entre os seis primeiros colocados (zona de classificação para a Libertadores).

- Publicidade -

Depois da partida em Minas Gerais, a equipe enfrenta o Fluminense em casa. Na sequência, visita o já rebaixado Paraná, que mandará o jogo no estádio do Café, em Londrina, onde a torcida do Palmeiras deve ser maioria.

Nas rodadas seguintes, o clube alviverde só encara equipes ainda ameaçadas pelo rebaixamento: América-MG (em casa), Vasco (fora) e encerra a competição contra o Vitória, no Allianz Parque -jogo em que os palmeirenses esperam fazer a festa que ainda não aconteceu neste ano.

Com um dos elencos mais caros do futebol brasileiro, o time alviverde pôde, sem grandes dificuldades, se dividir entre vários campeonatos e competir satisfatoriamente em todos. Mas ainda falta à equipe um troféu para coroar a temporada.

“Sempre ressaltei minha vontade de ser campeão no Palmeiras. Quando eu atingir este sonho, me sentirei realizado”, disse Victor Luiz.

ATLÉTICO-MG
Victor; Emerson, Leonardo Silva, Maidana, Fábio Santos; Adilson, Elias, Luan, Cazares (Terans), Chará; Ricardo Oliveira. T.: Levir Culpi

PALMEIRAS
Weverton; Jean (Marcos Rocha), Luan (Edu Dracena), Gustavo Gómez (Antônio Carlos), Victor Luís; Bruno Henrique, Felipe Melo, Moisés; Guerra (Lucas Lima), Borja, Scarpa. T.: Luiz Felipe Scolari

Estádio: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Horário: 17h deste domingo
Juiz: Wilton Pereira Sampaio (GO)