21 C
Rio de Janeiro
domingo, 19 de maio de 2019 6:2008
- Publicidade -

PF cumpre dez mandados de prisão contra deputados estaduais do RJ

- Publicidade -

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (8) a Operação Furna da Onça para prender dez deputados estaduais da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro envolvidos no esquema de corrupção do ex-governador Sérgio Cabral (MDB), preso há quase dois anos. Também são alvos um secretário da gestão Luiz Fernando Pezão (MDB) e um deputado federal eleito este ano pelo MDB.

Sete deputados estaduais são alvo pela primeira vez das investigações. Os demais são os deputados afastados Jorge Picciani, Paulo Mello e Edson Albertassi, todos do MDB, presos há quase um ano na Operação Cadeia Velha.

- Advertisement -

Foram expedidos no total 22 mandados de prisão e 47 de busca e apreensão. As ordens foram emitidas pela 1ª Seção Especializada do TRF-2 (Tribunal Regional Federal da 2ª Região), foro especial de deputados estaduais.
A nova investigação sobre a Alerj tem como uma de suas bases a delação premiada do economista Carlos Miranda, espécie de gerente da propina arrecadada por Cabral. Ele era o responsável por administrar todos os recursos ilegais obtidos pelo emedebista.

São alvos da operação os deputados André Corrêa (DEM), Marcos Abrahão (Avante), Neskau (PTB), Luiz Martins (PDT), Chiquinho da Mangueira (PSC), todos reeleitos este ano, além de coronel Jairo (Solidariedade) e Marcelo Simão (PP), que não conseguiram renovar seus mandatos.

O colaborador do Ministério Público Federal indicou que um grupo de políticos recebiam dinheiro de Cabral, em seu segundo mandato (2010-2014), em troca de apoio parlamentar -chamado de mensalinho pelo Ministério Público Federal. Os valores pagos mensalmente variavam de R$ 20 mil a R$ 100 mil, dependendo da posição ocupada pelo deputado.

Arquivos entregues pelos doleiros Vinicius Claret e Cláudio Barboza, que operacionalizavam parte da propina de Cabral, corroboraram as informações do economista.

Também é alvo da operação o secretário estadual de Governo Affonso Monnerat, atual braço-direito de Pezão. Há ainda mandados de prisão contra o atual presidente do Detran-RJ, Leonardo Jacob, e seu antecessor, Vinicius Farah (MDB), recém eleito deputado federal.

Há quase um ano, a Operação Cadeia Velha prendeu a cúpula do MDB na Assembleia Legislativa. Foram alvos o então presidente da Casa, Jorge Picciani, o ex-presidente Paulo Mello, e o líder do governo Edson Albertassi. Todos foram acusados de receber propina de donos de empresas de ônibus.

Os três permanecem presos -Picciani, em domiciliar, em razão de problemas de saúde.

Os juízes federais do TRF-2 decidiram pelas prisões em sessão secreta no último dia 25. O procedimento difere da Cadeia Velha, quando o relator do caso no TRF-2, Abel Gomes, deferiu monocraticamente mandados de busca e apreensão e intimação dos três deputados. As prisões só foram decididas pelo colegiado após a deflagração da operação.

O nome da operação, Furna da Onça, faz referência a uma sala nos fundos do plenário da Alerj, onde deputados costumam se reunir reservadamente.

Últimas Notícias

MPF discute ações contra intolerância religiosa na Baixada Fluminense

A prefeitura de Nova Iguaçu se comprometeu com ações de valorização dessas religiões

City goleia Watford 6-0 e conquista tríplice coroa inglesa

Além da Copa da Inglaterra e da Premier League, o City já havia conquistado a Copa da Liga inglesa, além do menos relevante Community Shield (Supercopa).

Reforços do Flamengo: Rafinha deve receber R$ 750 mil no mengão

O jogador, que sagrou-se hépta campeão da Bundesliga pelo Bayern de Munique, está em fase final de contrato.

Bayern de Munique conquista 7ª Bundesliga consecutiva

O Bayern ainda terá a chance de conquistar um segundo título nacional, já que no próximo sábado jogará a final da Copa da Alemanha contra o RB Leipzig, em Berlim.

Sensação do K-pop, Monsta X fará uma participação especial em Ursos Sem Curso

O episódio vai ser exibido no Brasil no dia 11 de julho, só no Cartoon Network.

Gal Costa lança a canção “O Que É Que Há”

As gravações aconteceram nos dias 22 e 23 de março, na Casa Natura Musical, em São Paulo

Reforços do Vasco da Gama: Clube tem interesse em Hudson, do São Paulo

Tricolor do Morumbi rejeitou qualquer possibilidade de negociação

Reforços do Vasco da Gama: Palmeiras faz jogo duro e clube busca alternativas

Negociações esfriaram e o clube deve buscar outros jogadores

Tyler The Creator lança novo álbum “IGOR” pela Columbia Records

O disco é o primeiro desde seu álbum indicado ao Grammy em 2017, “Flower Boy”.