Gleisi Hoffmann, presidente do PT em coletiva - Foto: reprodução
Gleisi Hoffmann, presidente do PT em coletiva - Foto: reprodução

Gleisi Hoffmann voltou a pedir a liberdade de Lula durante a reunião da comissão Executiva Nacional do PT, nesta terça-feira (30) na sede nacional em São Paulo.

“Lula é inocente. Lula livre”, disse Gleisi Hoffmann, presidente do PT, que está com a popularidade baixa mas se elegeu deputada federal, em coletiva.

Vale lembrar que durante a campanha de Fernando Haddad, candidato derrotado por Jair Bolsonaro no segundo turno das eleições presidenciais, o PT deixou Lula de lado, trocou o seu tradicional vermelho pelo verde amarelo da bandeira do Brasil, copiando a campanha de Bolsonaro e pouco se falou em Lula Livre.

Com a derrota nas urnas, o tom do PT deve ser este mesmo, pedir Lula livre.

Deixe seu Comentário