Foto: Ascom/CMRJ
Foto: Ascom/CMRJ

O relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) criada com a finalidade de investigar e apurar as responsabilidades pelos sucessivos desabamentos da Ciclovia Tim Maia foi aprovado por unanimidade nesta quinta-feira (25)  na última reunião de trabalho.

 

- Publicidade -

O documento recomenda ao Município que promova, em até seis meses, estudos técnicos a respeito da batimeria da área costeira e avalie o grau de deterioração de toda estrutura da ciclovia. Também requer a colocação dos obstáculos físicos nos locais aonde se constatem a atuação de ondas com potencial para causar danos, como no trecho da Gruta da Imprensa, com reposição dos itens de segurança. Uma cópia do relatório será entregue ao Ministério Público para apuração das falhas e crimes possíveis existentes.

 

O relator da Comissão, vereador Dr. Jorge Manaia (SD) apresentou os tópicos gerais do documento, que posteriormente será detalhado e enviado aos parlamentares membros.

 

O relatório final ainda recomenda ao Executivo a reabertura da ciclovia Tim Maia, segurança costeira para todo o município, licenciamento com projeto executivo e participação popular para obras municipais , além da ampliação da malha cicloviária.  Torne obrigatório o fechamento do espaço quando houver risco da elevação das ondas, além de corrigir as falhas em toda sua extensão, em especial na orla de São Conrado, cuja a destruição foi acentuada. Uma proposta legislativa será formulada pelos parlamentares e seguirá anexada ao relatório formal.

 

“Esperamos que os culpados sejam punidos pelo judiciário nas ações que já estão em curso e a comissão acompanhará o desfecho desses inquéritos”, concluiu o parlamentar.

 

A Comissão é integrada pelos vereadores Renato Cinco (PSOL), presidente, Alexandre Isquierdo (DEM), Dr. João Ricardo (MDB) e Inaldo Silva (PRB) membros.  E ainda Teresa Berhger (PSDB), suplente.

 

Deixe seu comentário