24 C
Rio de Janeiro
segunda-feira, 20 de maio de 2019 11:4105
- Publicidade -

Eleito com quociente eleitoral, Jean Wyllys faz campanha contra Witzel e Bolsonaro

- Publicidade -

Jean Wyllys, que foi eleito com apenas 24.295 votos se beneficiando do quociente eleitoral, começou a usar suas redes sociais para fazer campanha em prol de Fernando Haddad e Manuela D’Ávila.

 

- Advertisement -

Corrida de privilégios

Porque nem todos partem do mesmo lugar na corrida da vida e é essencial entender como nos afetam as diferentes posições de sujeito que nela ocupamos. #AgoraÉHaddad13 #ManuNoJaburu

Posted by Jean Wyllys on Tuesday, October 9, 2018

 

Além de declarar abertamente seu apoio ao PT, Jean Wyllys também começou campanha contra o candidato Wilson Witzel, do PSL, que vai disputar o segundo turno da disputa ao Governo do Estado do Rio de Janeiro.

Vale lembrar que Jean Wyllys foi um dos políticos mais derrotados desta eleição, conseguindo paenas 0,31 % dos votos validos no Rio. Jean obteve 144 mil votos. Comparando as duas eleições em 4 anos, Jean conseguiu perder cerca de 120 mil votos, só conseguiu entrar graças a legislação. O quociente eleitoral é um método pelo qual se distribuem as cadeiras nas eleições pelo sistema proporcional de votos em conjunto com o quociente partidário e a distribuição das sobras, ele conseguiu o mínimo de votos exigidos para ocupar uma cadeira na Câmara e acabou se reelegendo porque Marcelo Freixo teve excelente votação, sendo o segundo candidato com mais votos no Rio.

Últimas Notícias

Alexandre Campello garante reforços no Vasco da Gama e diz que meta e fica entre os 10 primeiros do Brasileirão

O presidente do Vasco da Gama também falou sobre a busca de um terreno para a construção de um Centro de Treinamentos

Estado do Rio tem aumento de mortes por intervenção policial em abril

Número de vítimas registrado em abril foi o menor para o mês nos últimos quatro anos

Werley sobre o Vasco da Gama: “A torcida ainda vai ter muito orgulho desse time”

O zagueiro também falou sobre o início ruim no Campeonato Brasileiro

Contribuinte paga caro pelas mordomias de ex-presidentes; veja os valores

Em 2018, o Estado Brasileiro gastou R$ 4,6 milhões com cinco ex-presidentes

Peruanos protestam contra pedágios em vias construídas por Odebrecht e OAS

São pedágios "contaminados pela corrupção", declarou o prefeito de Lima, Jorge Muñoz, ao convocar a Câmara dos Vereadores para discutir a questão.

Ford vai eliminar 7 mil empregos; cerca de 10% de sua equipe mundial

Em março, a Ford anunciou a eliminação de mais de 5.000 vagas de empregos na Alemanha.

Luxemburgo confirma barca no Vasco da Gama

Elenco do Gigante da Colina tem mais de 40 jogadores

Bolsonaro diz que reforma tributária será apresentada após aprovação da Previdência

Se a reforma tributária for aprovada pela CCJ, proposta será examinada por uma comissão especial antes de ser analisada pelo Plenário da Câmara