O Rio de Janeiro encerrou o primeiro turno das eleições 2018 com um saldo positivo em relação à produção de lixo nas ruas. Segundo a Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb), foram recolhidos ontem (7) 85 toneladas de lixo produzido durante a votação. Esse número é 33% menor em relação às eleições de 2016 para prefeito e vereadores, que totalizou 126,9 toneladas.

De acordo com a Comlurb, as áreas da cidade que mais colaboraram para a poluição das ruas foram a zona sul de forma geral, seguida da Tijuca e Vila Isabel, ambos bairros da zona norte do Rio.

- Publicidade -

Para recolher todos os rastros deixados pelos eleitores, a Comlurb preparou uma operação especial de varrição após a votação. Foram duas horas de trabalho para a retirada de santinhos e demais materiais de campanha das ruas.