A Globo realizou nesta quinta-feira, dia 4, nos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro, o debate entre candidatos à Presidência da República. Participaram candidatos com direito garantido por lei ou que alcançaram 6% ou mais na pesquisa divulgada no dia 28 de setembro. Estiveram presentes Álvaro Dias (Podemos), Ciro Gomes (PDT), Fernando Haddad (PT), Geraldo Alckmin (PSDB), Guilherme Boulos (PSOL), Henrique Meirelles (MDB) e Marina Silva (Rede). O candidato Jair Bolsonaro (PSL) foi convidado, mas informou que não poderia participar. O jornalista William Bonner mediou o encontro, que começou às 22h05, logo após a novela ‘Segundo Sol’, com transmissão para todo o país.

O debate foi dividido em quatro blocos e teve 2h40 de duração. O posicionamento dos candidatos no estúdio foi definido por sorteio: da esquerda para a direita, estiveram Álvaro Dias, Ciro Gomes, Henrique Meirelles, Guilherme Boulos, Geraldo Alckmin, Marina Silva e Fernando Haddad.

- Publicidade -

William Bonner abriu o debate explicando as regras ao público. As perguntas foram feitas de candidato para candidato, com a seguinte dinâmica: o primeiro e o terceiro blocos tiveram temas livres; o segundo e o quarto, temas determinados por sorteio feito pelo mediador. Os candidatos tiveram 30 segundos para perguntas, um minuto e meio para respostas, um minuto para réplica e um minuto para a tréplica. No final do quarto bloco, os candidatos fizeram também suas considerações finais.

O primeiro bloco foi de tema livre. Ciro Gomes perguntou a Marina Silva sobre governabilidade e polarização política; em seguida, Geraldo Alckmin fez uma pergunta para Fernando Haddad sobre crise e economia. Álvaro Dias escolheu Henrique Meirelles para debater, mas não concluiu sua pergunta no tempo determinado. Guilherme Boulos questionou Geraldo Alckmin sobre reforma da previdência. Em seguida, foi a vez de Henrique Meirelles perguntar a Ciro Gomes sobre estratégias de campanha. Corte dos direitos trabalhistas e impostos foram os temas da pergunta de Fernando Haddad para Guilherme Boulos. Encerrando o bloco, Marina Silva questionou Álvaro Dias sobre desemprego.

No segundo bloco, Guilherme Boulos perguntou ao candidato Geraldo Alckmin sobre custo Brasil, tema sorteado por William Bonner. Legislação trabalhista foi o assunto sorteado para Marina Silva questionar Henrique Meirelles, que, na sequência, perguntou sobre saúde a Álvaro Dias. Gastos públicos foi o tema sorteado para Álvaro Dias fazer sua pergunta ao candidato Fernando Haddad. Transportes foi o assunto sorteado para Geraldo Alckmin questionar Marina Silva. Fernando Haddad perguntou a Ciro Gomes sobre meio ambiente, tema definido pelo sorteio. Já Ciro Gomes teve sorteado o tema combate a drogas para formular sua pergunta para Guilherme Boulos.

O terceiro bloco, novamente de temas livres, teve início com uma pergunta de Marina Silva para Fernando Haddad sobre os resultados das pesquisas eleitorais. Em seguida, Henrique Meirelles questionou Ciro Gomes sobre educação infantil. Depois, Guilherme Boulos perguntou a Henrique Meirelles sobre corrupção. Em seguida, Ciro Gomes perguntou a opinião de Henrique Meirelles sobre a ausência do candidato Jair Bolsonaro no debate. Álvaro Dias questionou Geraldo Alckmin sobre mudança política e Fernando Haddad perguntou a Guilherme Boulos a respeito de educação. Geraldo Alckmin encerrou o bloco com uma pergunta sobre segurança pública a Marina Silva.

No quarto bloco, William Bonner voltou a sortear os temas das perguntas. Reforma da previdência foi o assunto da pergunta de Fernando Haddad ao candidato Ciro Gomes, que, em seguida, teve o tema segurança sorteado para questionar Henrique Meirelles. Políticas sociais foi o tema da pergunta de Henrique Meirelles para Geraldo Alckmin. O tema saneamento foi sorteado para Guilherme Boulos fazer sua pergunta ao candidato Geraldo Alckmin. Na sequência, Geraldo Alckmin teve o tema educação sorteado para fazer sua pergunta a Álvaro Dias. Impostos foi tema da pergunta de Marina Silva para Guilherme Boulos. Álvaro Dias perguntou sobre corrupção a Fernando Haddad.

No fim do quarto e último bloco, cada candidato teve um minuto para fazer suas considerações finais. Por ordem definida por sorteio, Geraldo Alckmin foi o primeiro, seguido de Álvaro Dias, Ciro Gomes, Henrique Meirelles, Fernando Haddad, Marina Silva e Guilherme Boulos .

Após o término do programa, cada candidato concedeu uma entrevista coletiva de cinco minutos na sala de imprensa.