in

Mobile World Congress Americas aponta para o futuro dos celulares através do 5G

O futuro dos celulares ligado às possibilidades e aplicações do 5G concentrou os debates e conversas na Mobile World Congress Americas (MWC Americas), evento que começou na quarta-feira, em Los Angeles (Estados Unidos), e reunirá durante três dias as principais empresas do setor.

Sob o tema “Imagine um futuro melhor”, o MWC Americas realiza sua segunda edição, após estrear no ano passado em São Francisco, e com sua mudança para Los Angeles espera aprofundar na convergência entre fabricantes de celulares e entretenimento.

Cerca de 1 mil empresas participam do evento organizado pela GSMA e CTIA, duas associações que representam as principais operadores de celulares do mundo, e que é ao lado do MWC Xangai, uma réplica em menor escala do Mobile World Congress, realizado em Barcelona desde 2006.

O Centro de Convenções de Los Angeles recebeu hoje gigantes como Samsung, T-Mobile, Verizon e Microsoft, embora muitos dos presentes também estavam presentes, através da internet, como o anúncio do novo iPhone, da Apple, ocorrido a centenas de quilômetros do local do evento.

Na conferência inicial, o presidente da GSMA, Sunil Bharti Mittal, disse que as possibilidades do 5G “são imensas”.

“Eu diria que o mundo deve adotar o 5G o mais rápido possível”, afirmou o principal responsável pela GSMA, lembrando também que atualmente, os ciclos tecnológicos são curtos e as novidades são logo superadas por outros produtos e tecnologias ainda melhores.

As previsões da GSMA garantem que até o ano de 2025 haverá 1,3 bilhão de usuários conectados pelo 5G em todo o mundo.

A realidade virtual, inteligência artificial, internet das coisas, interseção entre as indústrias de entretenimento e de celulares e a conectividade apontam serem pontos importantes do MWC Americas, mas a maioria destes temas apareceram hoje relacionados ao desenvolvimento e implantação do 5G.

Esta evolução das conexões sem fio aumentará significativamente as capacidades e possibilidades dos celulares, de modo que hoje tanto as operadoras quanto os fabricantes do setor fizeram um esforço para exibir a grande variedade de aplicações do 5G.

Mobile World Congress Americas
Mobile World Congress Americas – Foto: EFE/Mike Nelson

Dos usos educacionais aos de saúde, passando por transmissões esportivas com realidade virtual, métodos de reconhecimento facial ao vivo para sistemas de segurança ou aplicativos para melhorar o transporte, os participantes do MWC Americas também desfrutaram de robôs com inteligência artificial conectados por 5G ou de conversas ao vivo através de hologramas.

Com grandes empresas do setor, o evento também recebe modestas empresas especializadas em acessórios para personalizar dispositivos como capas, carregadores sem fio, baterias ou alto-falantes.

E das certezas de hoje e possíveis realidades no futuro, o congresso também reserva um notável espaço para a inovação e “startups” (empresas emergentes) com a plataforma 4YFN (Four Years From Now).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comentários

0 Comentários

Em qualquer lugar do mundo, comida halal está ao alcance do seu smartphone

Homem mata 5 pessoas e depois se suicida nos Estados Unidos