O Fluminense entrou em campo nesta quarta-feira diante do Santos, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, última antes da parada para a Copa do Mundo FIFA. A partida do Maracanã foi de muita marcação por ambas as equipes e as principais jogadas do Tricolor passaram pelo atacante Pedro. O time paulista marcou o único gol do jogo no fim do segundo tempo com Bruno Henrique, fechando o placar em 1 a 0. A equipe do técnico Abel Braga soma 14 pontos e volta a campo somente em julho, já em um clássico carioca, diante do Vasco da Gama.

Fluminense x Santos - Foto: Lucas Merçon e Mailson Santana/ FFC
Fluminense x Santos – Foto: Lucas Merçon e Mailson Santana/ FFC

PRIMEIRO TEMPO
A partida começou com muita marcação e posse de bola do Flu no meio-campo. Aos 19 minutos, Douglas cobrou o escanteio e Pedro tentou de bicicleta, mas a defesa afastou. Jádson fez linda jogada individual com direito a balão no adversário aos 23. Na sequência, Mateus Norton fez a cobrança de lateral na área e Pablo Dyego tentou de cabeça, mas a bola passou por cima da meta de Vanderlei. Aos 38, boa chance do Tricolor, Pedro tocou para Pablo Dyego arriscar o chute, mas o camisa 7 foi travado.

- Publicidade -

SEGUNDO TEMPO
Aos 16 minutos, Marlon recebeu na lateral e passou para Douglas, que arriscou de longe, mas a bola subiu muito. Em cobrança de falta, o Tricolor avançou pela intermediária, a bola sobrou para Sornoza que chutou forte, mas passou por cima do gol. Aos 40 minutos, Bruno Henrique marcou para o Santos. Sornoza cobrou falta aos 43, Pedro tentou de cabeça, mas a defesa afastou. Nos acréscimos, Pedro fez linda jogada individual, driblou o adversário e arriscou o chute, mas a bola passou por acima da meta.

FICHA TÉCNICA

CAMPEONATO BRASILEIRO 2018 – 12ª RODADA
Maracanã – Rio de Janeiro/RJ

Fluminense (0)
Júlio César; Ibañez (Sornoza), Nathan Ribeiro e Luan Peres; Mateus Norton, Richard, Jádson (Dodi), Douglas e Marlon; Pablo Dyego (Dudu) e Pedro.
Técnico: Abel Braga

Santos (1)
Vanderlei; Victor Ferraz, Gustavo Henrique, David Braz e Dodô; Alison (Copete), Diego Pituca e Jean Mota (Renato); Léo Cittadini, Bruno Henrique e Gabriel (Vitor Bueno).
Técnico: Jair Ventura

Gol: Bruno Henrique (41’/2T) – SAN

Cartões amarelos: Douglas e Mateus Norton (FLU); Diego Pituca, Alison e Renato (SAN)

Arbitragem: Rafael Traci (PR), auxiliado por Ivan Carlos Bohn (PR) e Rafael Trombeta (PR)

Público: 7.438 torcedores presentes

Renda: R$173.580,00