21.8 C
Rio de Janeiro
quinta-feira, 18 de julho de 2019 2:2222
- Publicidade -

Relator no TRF4 vota por condenação e aumento de pena de Lula

Publicidade

O relator dos recursos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Tribunal Regiona Federal da 4ª Região (TRF4), desembargador João Pedro Gebran Neto, votou pela manutenção da condenação do petista e aumentou a pena para 12 anos e um mês de reclusão e 280 dias-multa. Para o desembargador, a pena de Lula deve ser cumprida em regime fechado. O juiz federal Sérgio Moro, em primeira instância, estabeleceu 9 anos e 6 meses de prisão.

O relator também fixou a pena de Agenor Franklin em 5 anos, 6 meses e 26 dias de reclusão e mais 130 dias-multa. As penas do ex-presidente da empreiteira da OAS, José Aldemário Pinheiro Filho, foram mantidas.

Publicidade

Segundo Gebran, é possível afirmar com certeza o contexto em que ocorreram os crimes de corrupção. “Há prova, acima do razoável, de que o ex-presidente foi um dos principais articuladores, se não o principal, do esquema de corrupção na Petrobras.”

Contudo, Gebran negou o recurso do Ministério Público Federal que pedia a condenação por três atos de corrupção passiva. “Considero uma única atuação de corrupção”, afirmou. Também negou a imputação de mais de um crime de lavagem de dinheiro. Segundo eles, os três atos de lavagem apontados pela acusação estão inseridos no mesmo contexto. Ele rebateu a tese da defesa de que o imóvel pertence à empreiteira. “A OAS figurava como um verdadeiro laranja para esconder o verdadeiro titular da unidade [triplex].”

Voto

Gebran embasou o voto, que tem aproximadamente 430 páginas, nos depoimentos. Entre as oitivas que foram usadas está a do o ex-presidente da OAS, Pinheiro Filho. “Se houvesse quaisquer dúvidas [quanto à propriedade do imóvel], quero crer que elas sucumbem ao interrogatório de José Aldemário Pinheiro Filho”, disse. “Cabia a ele [Lula] dar suporte de continuidade ao esquema de corrupção”, acrescentou.

Ele também negou as preliminares da defesa. Gebran Neto negou pedidos relacionados, por exemplo, à suspeição do juiz federal Sérgio Moro e dos procuradores da Força-Tarefa da Operação Lava Jato, e à violação da autodefesa. Ele também negou a preliminar que pedia a gravação de vídeo não só do acusado e de testemunhas, mas também dos procuradores e do juiz. Segundo ele, as câmeras devem estar voltadas para o réu ou a testemunha e não para os demais participantes das oitivas.

O relator também indeferiu as alegações da defesa relativa a perguntas feitas às testemunhas. De acordo com ele, os questionamentos indeferidos pelo juiz de primeiro grau não dizem respeito ao processo, mas sim a eventuais colaborações que estariam sendo tabuladas.

Assine nossa Newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

Últimas Notícias

Jorge Jesus sente primeiro cheirinho: Flamengo está elimindado da Copa do Brasil

O Flamengo está fora da Copa do Brasil. O milionário time do Flamengo foi eliminado pelo Athletico-PR...

Cruzeiro perde para Atlético-MG, mas avança às semifinais da Copa do Brasil, veja os gols

O Cruzeiro usou a força da sua camisa e a tradição na Copa do Brasil, torneio que...

Grêmio vence o Bahia e está nas semifinais da Copa do Brasil, veja o gol

Com gol de Alisson, o Tricolor superou o time da casa por 1 a 0

Ina Wroldsen Lança novo single ‘Forgive or Forget’

A cantora já compôs para Britney Spears, Little Mix, One Direction, Anne Marie e muitos outros

Psicanalista Cristiane Medina comenta sobre depressão na terceira idade

Depressão é um problema silencioso que muitas vezes passa despercebido entre os familiares. Os idosos também podem...

MetrôRio encontra porteiro que perdeu carteira com mais de R$ 2 mil na estação Pavuna

Saga para localizar cliente, que perdeu o objeto na estação Pavuna, durou 15 dias e mobilizou várias equipes

“El Chapo” é sentenciado à prisão perpétua nos Estados Unidos

O mexicano, considerado o maior narcotraficante após a morte de Pablo Escobar, comandou o cartel de Sinaloa, maior organização de tráfico de drogas do mundo

Horóscopo de quinta-feira 18 de julho de 2019

Confira a previsão do horóscopo para o dia 18 de julho de 2019 e fique por dentro de tudo...

PDT suspende Tabata Amaral e outros deputados que votaram a favor da reforma da Previdência

A sigla também deliberou que filiados que façam parte de grupos de financiamento externo não receberão legenda do PDT para disputar eleições.

Empresários do ramo de alimentos é alvo de operação do MPRJ

Quadrilha de membros da mesma família desviou cerca de R$ 305 milhões