25.2 C
Rio de Janeiro
segunda-feira, 20 de maio de 2019 12:0524
- Publicidade -

Massa diz que está negociando renovação, mas impõe condição de ser ‘importante’

- Publicidade -

Felipe Massa revelou nesta quinta-feira que está negociando sua renovação de contrato com a Williams. Mas, para firmar o acordo, o piloto brasileiro colocou uma condição: ser importante para a equipe.

No final da última temporada, Massa já anunciara sua aposentadoria, mas reconsiderou e aceitou pilotar por mais um ano pela Williams após a equipe perder o finlandês Valtteri Bottas, que se transferiu para a Mercedes depois da aposentadoria do alemão Nico Rosberg. A equipe, contudo, não vem tendo um bom desempenho e ele jamais chegou a brigar pelas primeiras posições.

- Advertisement -

“Sim, nós estamos conversando com a Williams”, reconheceu o brasileiro, em entrevista ao site oficial da Fórmula 1. “Eu preciso fazer algo que eu realmente queira para mim mesmo. Quero me sentir importante para o time, quero contribuir. E, se isto não for possível, então eu posso fazer outras coisas.”

Entre as atividades que não pretende desempenhar, por exemplo, ele mencionou especificamente servir de tutor para seu parceiro canadense Lance Stroll, o que agradaria os patrocinadores. “Eu definitivamente não quero ficar na equipe porque isso agrada certos patrocinadores. Quero contribuir e quero conquistar coisas para mim. Isto é o que importa”, detalhou.

Outro fator importante, segundo ele, é conseguir ser competitivo “É uma questão de chegar no fim do dia e ter a motivação de seguir em frente. Se as coisas não vão como você espera por sua causa, então é melhor pensar em algo diferente para fazer”, acrescentou.

Massa também cobrou agilidade da Williams para definir o futuro. “O time precisa definir esse cenário para o próximo ano o mais cedo possível, ou você pode perder a oportunidade de fechar com um bom piloto. A maioria dos times já assinou com os pilotos para o próximo ano.”

Últimas Notícias

Fãs se despedem de “Game of Thrones” entre euforia e decepções

O episódio final da série selou o destino de Daenerys Targaryen, Jon Snow, Tyrion Lannister, Sansa e Arya Stark

Janaina Paschoal volta a criticar manifestações pró-Bolsonaro: “O governo se colocou na situação em que está”

A deputada acusa Jair Bolsonaro de não ter barrado Rodrigo Maia, que acabou se reelegendo presidente da Câmara com o apoio do partido do presidente.

O fim da Android na Huawei, uma comoção para o mercado de “smartphones”

A disputa entre a Huawei e a Google representa uma advertência para os demais fabricantes chineses (Xiaomi, Oppo, OnePlus...).

Toni Kroos renova contrato com Real Madrid até 2023

O contrato de Kroos, 29 anos, terminava em 2022.

Inflação do aluguel acumula taxa de 7,78% em 12 meses, diz FGV

A queda da taxa da prévia de abril para a de maio foi puxada pelos preços no atacado, no varejo e na construção civil.

Google suspende parte de acesso da Huawei ao Android

Empresa chinesa está sob pressão de Washington

Aposentadoria de policiais e professores entra em discussão na Câmara

Audiências temáticas voltam a ocorrer em comissão especial